Samurai Eel montada e pronta a pescar!

 

A amostra

 

A Samurai Eel é uma amostra flexível já montada com cabeçote e pronta a pescar, que imita perfeitamente uma galeota.

 

Na sua conceção foram efetuados longos testes para que se pudesse chegar a esta forma e a este desempenho.

A Samurai Eel possui cabeça em chumbo, com forma cónica que se aproxima da forma da cabeça das galeotas. O corpo flexível ajusta-se perfeitamente ao cabeçote resultando numa amostra atraente, indispensável na pesca de predadores. O anzol, solidário com o cabeçote, está montado na parte superior do corpo da amostra.

 

Um importante elemento deste vinil, é a sua cauda aerodinâmica, especialmente estudada para emitir vibrações percetíveis pelos predadores, sem travar a natação da amostra.

Algumas cores são dotadas, no seu interior de uma folha holográfica que se aproxima da pele iridescente das galeotas naturais.

A pesca

 

Samurai Eel é uma amostra muito polivalente. Pode ser utilizada em inúmeras situações de pesca, quer de barco, quer de costa, podendo explorar spots verdadeiramente difíceis. As diferentes gramagens disponíveis, permitem abordar a pesca em toda a coluna de água, com variadas condições de mar e vento e  ainda, no caso do lançado, na obtenção de distância nos lançamentos.

 

Ao pescar a partir da costa com fundo rochoso, podemos animar a amostra com golpes de pulso em “twitching” ou de braço em “jerking”, dependendo da amplitude que pretendemos dar ao movimento, acompanhados com recuperação de linha pelo carreto. No caso de fundos arenosos podemos efetuar uma recuperação linear como que rocegando o fundo, entrecortada com pequenos ou grandes golpes.

 

 

De barco a pesca é feita quase sempre com o auxílio da sonda, havendo assim a perceção do fundo e da presença ou não de peixe, o que facilita a atuação do pescador. 

É na fase de descida da amostra que ocorrem muitos dos ataques, pelo que é necessário estar atento para ferrar se houver uma paragem extemporânea. 

Habitualmente as animações devem ser lentas em “twitching”, e a deriva da embarcação deve ser tida em conta, pois estamos continuamente em movimento. A Samurai Eel trabalha ao menor movimento de água, apresentando uma enorme atratividade para predadores. 

Mesmo com forte corrente, esta amostra consegue manter-se a pescar, atendendo ao seu corpo afilado. 

Muitas são as espécies que não resistem  à Samurai Eel, como o robalo, o badejo, o pargo e a corvina, entre outras.

 

Em jeito de reflexão...

 

Todos os pescadores já experimentaram dias difíceis de pesca, em que o peixe não dá sinal da sua presença. Percorrem-se os spots conhecidos, rastreiam-se os fundos com a sonda e, quando finalmente encontramos algo de interessante, lançamos as amostras e iniciamos a sua animação.

 

Mas, efetuar capturas apesar da presença de peixe implica frequentemente utilizar a amostra certa.

 

Já se passou connosco, por isso podemos confidenciar que pescar com as amostras Samurai Eel demonstrou-se inquestionavelmente eficaz.