Pescar em kayak é uma experiência intensa!

Os nossos sentidos estão focados em tudo o que nos rodeia, há como que uma imersão absoluta. 

O kayak é uma embarcação pequena, podendo ter diferentes tipos de propulsão.  

Sempre que possível privilegio o sistema de pedais ou a vela em detrimento do motor elétrico.

Navegar sentado ao nível da água, deixando frequentemente de avistar o horizonte mesmo com mar de pequena vaga

é uma boa sensação de vulnerabilidade face aos elementos. 

No kayak podemos “ouvir o silêncio”, sendo por outro lado também os sons da natureza nossos companheiros.

Sentimos o vento, sentimos paz e tranquilidade, desenvolvemos o gosto pela solidão.

Completamente imersos na natureza temos tempo para apreciar tudo o que nos rodeia.

Ao navegarmos lentamente, dispomos de todo o tempo para saborear o ambiente, é paradoxal!

O kayak permite uma aproximação silenciosa aos pesqueiros sem que os peixes sejam perturbados.

Pescar ao corrico em completo silêncio é sublime, o peixe é surpreendido pela amostra que parece nadar sem intervenção humana.

Pescar em kayak é pescar em comunidade, é pescar com amigos, é estar inserido num grupo, numa tribo.

Cada grupo com a sua cultura e convicções está empenhado na partilha de conhecimentos encorajando outros pescadores a experimentar a pesca em Kayak.

A bordo de um Kayak, “qual dóri da pesca do bacalhau”, podemos pescar utilizando diferentes técnicas, como o spinning, o corrico e as pescas verticais como é exemplo o jigging

A utilização de equipamentos adequados e de grande qualidade, acrescenta prazer às saídas de pesca.

A captura de peixes de tamanho apreciável proporcionam momentos de emoção inesquecíveis.

Pescar de kayak é desafio, alegria, contacto com a natureza, liberdade, emoção e muita satisfação.

             T&F: Nuno Morão